5 Dicas de Mídias Sociais para Aumentar as Vendas de sua Empresa

bloguettes-stockthatrocks-homelifestyle-10.jpg

As mídias sociais se tornaram indispensáveis para que empresas consigam se conectar com seu público-alvo e consequentemente aumentar seus resultados e suas vendas.

Entretanto, é preciso ter muito foco e escolher as redes sociais adequadas para alavancar as vendas de uma empresa.

Por isso, selecionamos algumas dicas importantes para ajudar sua empresa a aumentar suas vendas pelas mídias sociais. Confira!

5 dicas de mídias sociais para aumentar as vendas da empresa

1. Esteja onde seu público-alvo está

Uma das principais dicas para aumentar as vendas da sua empresa é estar onde seu público está. Mais vale criar um perfil em uma rede social importante para sua audiência do que sair   sair criando vários perfis em todos os lugares e não conseguir atualizar todos da melhor forma. Aqui vale o Menos é Mais. Invista somente nas mídias sociais em que sua audiência está mais presente.  

O ideal é entender e estudar sobre seus consumidores e saber do que eles gostam e em quais canais se encontram, para então construir a presença digital do seu negócio.

2. Poste apenas conteúdos relevantes

Postar conteúdo relevante que chame a atenção de seus seguidores é essencial para agregar valor a sua marca, atrair mais seguidores e conseguir transformar sua audiência em clientes. Além disso, por meio do conteúdo relevante, sua empresa vai mostrar que possui muito conhecimento sobre sua área de atuação, o que gere mais credibilidade e mais vendas.

Para vender um determinado produto ou serviço, é preciso, além de mostrar que conhece sobre o assunto, oferecer soluções e mostrando para essas pessoas o que você tem a oferecer sem a necessidade de dizer diretamente a elas. É preciso entender que o desejo de adquirir aquilo que está disponibilizando vai surgir naturalmente, por meio do engajamento com o conteúdo que sua marca está produzindo.  

3. Venda sem Vender

Caso você não seja uma marca conhecida, sua audiência ainda pode não estar pronta para comprar de você. Então, nunca seja muito comercial nas mídias sociais. Existe uma sutileza na hora de vender nas redes sociais. É o vender sem vender explicitamente. Você precisa informar o que faz, mostrar seus produtos de uma atrativa e criativa, gerar engajamento com conteúdo divertido, mas nunca ser totalmente comercial.

4. Gere Engajamento

Para vender nas mídias sociais, você precisa primeiro criar um relacionamento com sua audiência. Oferecendo conteúdo de valor e se relacionando com seus consumidores (respondendo, curtindo e comentando nos posts deles), sua marca vai gerar mais engajamento com sua audiência. E mais engajamento significa mais vendas!

Por isso, não poste seu conteúdo e saia correndo. Fique um pouco mais para comentar e se relacionar com as pessoas que comentarem nos seus posts. Isso vai fazer toda a diferença. Acredite!

5. Utilize os anúncios do Facebook

Sabe aquelas postagens para divulgação de suas promoções e de seus produtos e serviços? Elas são ideais para serem impulsionadas.

Para impulsionar as postagens, é preciso investir um determinado valor no Facebook, para então aumentar o engajamento e envolvimento e gerar resultados positivos para o seu negócio.

Realizando esse processo, será possível dar mais destaque para suas postagens, conquistar maior relevância e atrair a atenção de um público segmentado e que queiram adquirir o que está sendo oferecido por você.

Além do impulsionamento de posts no Facebook e no Instagram, você pode fazer anúncios para gerar tráfego para seu site, gerar leads qualificados para seu negócio, entre outras opções oferecidas pelo Gerenciador de Anúncios do Facebook.

Essas são algumas dicas para você conseguir aumentar suas vendas nas mídias sociais, mas existem muitas outras. Precisando de ajuda para aumentar suas vendas nas mídias sociais? Fale conosco agora para entender melhor nossos serviços!

 

5 Tendências de Mídias Sociais para 2018

5tendenciasmidiassociais2018.jpg

Imaginando quais são as tendências de mídias sociais para 2018?  

Enquanto em 2017 o mercado de mídias sociais girou em torno dos live streaming de vídeos, chatbots, realidade virtual e aumentada, aumento do conteúdo personalizado e maior utilização de influenciadores sociais, 2018 já mostra que terá algumas tendências fortes.

Aqui vão as 5 principais tendências para este ano.

5 Tendências de Mídias Sociais para 2018

1. Utilização das Mídias Sociais como ferramenta de busca

Com o crescente uso das mídias sociais em todo o mundo, a busca dentro desses canais está ganhando força e promete se estabelecer neste ano. Um bom exemplo dessa consolidação foi a mudança feita no feed de pesquisa do Google, que torna os resultados obtidos mais interativos e dinâmicos, aproximando-se ainda mais das redes sociais.

2. Aplicativos de mensagens em alta

Hoje mais de 2 bilhões de pessoas utilizam algum tipo de aplicativo de mensagem para se comunicar assim como o Whatsapp, Messenger e Kik. Por isso em 2018, as empresas e marcas presentes no mercado precisam se posicionar e desenvolver novas formas de se comunicar e alcançar esse público.

Mesmo ainda sendo um desafio para as marcas saber como utilizar esse tipo de aplicativo, uma vez que eles são vistos pelos usuários como algo particular, este ano o Messenger do Facebook, disponibilizará um suporte para a comunicação entre empresa e cliente, o que facilitará ainda mais essa interação.

3. Aumento no uso dos Stories do Instagram

Não tem como falar de mídias sociais e não citar os Stories do Instagram. Essa plataforma superou o Snapchat, precursor da ideia, com mais de 20 milhões de visualizações diárias onde os usuários divulgam vídeos curtos que somem após 24 horas.

Desta forma, é essencial que as empresas comecem a pensar em novas estratégias dentro desse canal, para divulgar sua marca para esse público. O ideal é criar vídeos criativos e com hashtag que contenham palavras-chaves relevantes para que sua mensagem chegue até o seu público-alvo.

4. Atente-se a geração Z

A geração Z está dominando as mídias sociais e esses usuários são extremamente importantes para o sucesso das empresas, pois 80% de suas compras são influenciadas pelo que encontram e veem nesses canais. Isso facilita muito mais a difusão de informações de um determinado produto ou serviço, afinal é através desse público que as marcas se tornam conhecidas no mercado.

5. Destaque ainda maior para os conteúdos audiovisuais

Os conteúdos audiovisuais estão em crescente ascensão desde o ano passado, porém em 2018 eles terão ainda mais destaque.

Hoje é impossível entrar nas redes sociais e não ver diversos vídeos. Segundo uma pesquisa realizada pelo Cisco, em 4 anos, 80% de todo o tráfego na internet será gerado apenas pelos conteúdos audiovisuais, o que facilitará a vida das marcas. Porém, para se destacar é fundamental pensar fora da caixinha e se diferenciar da concorrência para chegar até o cliente potencial e chamar a sua atenção para que ele queira realmente adquirir seus serviços e produtos.

2018 está se mostrando como um grande ano para as Mídias Sociais, em especial para o Instagram Stories. E estamos super animadas para saber quais as próximas novidades do Instagram e vocês?

 

 

 

Como trabalhar com Micro Influenciadores

O marketing de influência é uma tendência em constante crescimento, ainda mais com o poder da comunicação boca a boca que ganhou mais força com a chegada das redes sociais. São cerca de 83% de consumidores muito mais exigentes e criteriosos, que confiam e tomam decisões com base na opinião de outros consumidores.

Um estudo recente realizado com 500 mil perfis no Instagram identificou que influenciadores com até mil seguidores geram engajamento de até 9.7%, 5x o engajamento dos influenciadores que possuem mais de 100 mil seguidores. O estudo mostra que os micro influenciadores possuem maior engajamento e valor do que um influenciador digital mais conhecido, pois tem seus interesses focados em apenas um nicho, tornando-se mais relevantes para seus seguidores.

Uma empresa que escolhe trabalhar com um micro influenciador tem um custo mais baixo nas suas ações, pois eles são vistos como uma fonte confiável quando se trata de recomendações, causando um maior impacto no comportamento de outros consumidores, e essa relevância leva a um maior engajamento. O significado disso é que, além de gerar uma maior resultado, os micro influenciadores dão um valor maior ao dinheiro que foi pago.

Para trabalhar com um micro influenciador, como em qualquer outro negócio, é preciso conhecer seu público-alvo, e encontrar um micro influenciador que esteja voltado para o mesmo nicho que a empresa quer atingir, além de avaliar custos por engajamento.

Otimizando o desempenho de micro influenciadores do momento certo, aliado as respostas do marketing de conteúdo, é possível utilizar as melhores estratégias e alcançar melhores objetivos. Além de encorajar o consumo de maneira sensata e efetiva.

Enquanto as grandes empresas estão ocupadas buscando pesquisadores macro, você pode estar colaborando com esses tipos de influenciadores que não são tão caros, mas têm uma influência maior sobre seus seguidores.

Por isso, se está pensando em trabalhar com um micro-influenciador, primeiro você precisa saber como encontrar o mais adequado para sua marca:

5 dicas para encontrar micro influenciadores

1. Pesquise sua lista de seguidores

Antes de tudo, estude sua lista de seguidores nas suas redes sociais e veja se não existe algum influenciador que já conhece sua marca e talvez esteja mais disposto a ajudar a promover sua marca.

2. Pesquise hashtags do seu mercado

Você pode pesquisar por hashtags mais específicas (palavras-chave) do seu mercado para para encontrar micro-influenciadores que já se interessam pela sua área de atuação.

3. Procure blogueiros locais

Se o seu negócio for local, pode ser uma boa ideia buscar influenciadores da sua região.

4. Use ferramentas para pesquisar

Algumas ferramentas como Buzzsumo e Klear e pode ajudar com pesquisas rápidas de influenciadores em alguns segmentos.

5. Use o Google

E não esqueça de usar o Google para encontrar blogs e pessoas influentes no seu mercado.

Agora que você encontrou os melhores micro influenciadores para seu negócio, você pode começar a planejar sua campanha.

E você, já trabalhou com micro-influenciadores? Conte para nós suas dicas.

Por que preciso de uma consultoria em mídias sociais?

Hoje para ter um bom desempenho e um crescimento dentro do mercado, é indiscutível que as as empresas precisam estar presentes nas mídias sociais. Mas o que fazer se sua empresa não sabe como criar a estratégia correta nas redes sociais? Uma opção é contratar uma consultoria de mídias sociais para montar um planejamento estratégico para sua marca.

O principal objetivo da consultoria em mídias sociais é elaborar estratégias, diagnosticar problemas e dar as orientações necessárias, de forma a conseguir impulsionar e agregar valor ao seu negócio.

As mídias sociais podem trazer diversos benefícios para as empresas como ajudar na:

·       Construção de autoridade dentro do mercado;

·       Maior e melhor interação com os seus clientes;

·       Engajamento dos clientes;

·       Criação e disseminação de conteúdo.

Por meio de uma consultoria de mídias sociais é possível ter um diagnóstico da situação atual da empresa na internet e obter ajuda para criar novas estratégias e construir um relacionamento com sua audiência, além da identificação de problemas e crises que podem ser geradas por meio de comentários negativos nas redes sociais.

Para entender melhor quais são as principais vantagens dessa consultoria, listamos alguns abaixo.

·       Personalização dos canais;

·       Gerenciamento de campanhas;

·       Integração das redes sociais com sites e blogs;

·       Métricas e avaliação de estratégias;

·       Melhoria na comunicação;

·       Maior visibilidade.

Por isso, se você precisa de ajuda para construir uma estratégia nas mídias sociais, busque uma empresa ou profissional especializado. E comece agora a criar sua presença online!

Conhece nossos serviços? Clique aqui e confira!

O poder do copywriting

Um bom conteúdo pode influenciar positivamente nos resultados do seu negócio. Por conta disso, o Copywriting existe. Essa técnica de persuasão serve para otimizar o uso da linguagem com o intuito de atrair o leitor, despertar seu interesse e converter esse interesse em alguma ação, que pode ser fazer um download, assinar uma newsletter ou principalmente gerar uma venda.

Esse método pode auxiliar na promoção de um produto ou serviço, uma pessoa, uma ideia ou um negócio, com a intenção de converter e seduzir os visitantes do seu site ou blog e fazer com que eles tomem a melhor decisão.

Um copywriter profissional escreve todo o tipo de conteúdo, se utilizando apenas das palavras certas (gatilhos mentais), direcionados para estratégias de marketing digital, como blogs, redes sociais, e-mail marketing e sites ou para material impresso, como folhetos, cartazes, anúncios e catálogos, a fim de despertar nas pessoas determinados sentimentos.

Porém, é preciso realizar um planejamento adequado para elaborar corretamente a sua estratégia de copywriting, levando em consideração alguns elementos como a pesquisa, objetivo, exclusividade, otimização e análise. Além disso, existem outras técnicas que devem ser seguidas para envolver os seus clientes e escrever um bom texto, tais como:

·       Conhecer o seu público;

·       Ter um objetivo claro sobre o que você espera atingir com o seu conteúdo;

·       Ter clareza e objetividade;

·       Ser próximo do seu leitor para criar emparia;

·       Desenvolver textos mais claros e práticos para o entendimento do público;

·       Criar autoridade.

Se todos esses processos forem seguidos corretamente, com certeza, eles trarão resultados fantásticos e muito positivos para a empresa.

Entretanto, ainda hoje, diversas empresas depositam sua confiança apenas em seus anúncios, acreditando que estes serviços e produtos serão vendidos sozinhos, negligenciando as técnicas de Copywriting, o que pode ser letal para seu negócio. Claro, que todo o tipo de conteúdo voltado para conversão é importante, mas sem os métodos necessários para a sua criação, todo o empenho depositado nesse processo pode ter sido em vão.

Vantagens do Copywriting para empresa

Para entender melhor o que o copywriting pode trazer pela sua organização, veja abaixo algumas vantagens:

·       Maior conversão;

·       Otimização de SEO;

·       Informações completas sobre o produto ou serviço oferecido;

·       Melhoria no posicionamento;

·       Melhor qualidade nos textos;

·       Maior reconhecimento da marca.

E você, já usou o copywriting em seu conteúdo? Conte para nós sua experiência.

Como conseguir aumentar o engajamento nas redes sociais

Hoje em dia as redes sociais são essenciais para a criação de relacionamento entre as empresas e os consumidores e divulgação de produtos e serviços. Entretanto, não adianta a empresa ter milhões de fãs e seguidores e nenhum engajamento com eles. Mas, afinal, o que é engajamento?

Engajamento é a ligação, interação, relacionamento com a marca, que vai além do número de curtidas ou seguidores dentro das redes sociais. Através dele, é possível ter uma noção de como os visitantes estão interagindo dentro dos seus canais de comunicação. 

Por isso, é essencial conseguir fãs e seguidores engajados. Mas, como conseguir aumentar o engajamento nas redes sociais? Veja abaixo algumas dicas para você aumentar o engajamento com sua audiência.

5 Dicas para aumentar o engajamento nas redes sociais

1) Conheça o seu público-alvo

Para qualquer empresa ter sucesso nas estratégias de comunicação, ela deve saber quem é o seu público-alvo. Por meio dessas informações, é possível ter muito mais êxito no momento de traçar uma estratégia que realmente desperte o interesse dessas pessoas para a sua marca.

2) Elabore uma boa estratégia

Elaborar uma boa estratégia pode ser essencial na captação e fidelização de clientes para sua marca. Crie também um planejamento de conteúdo para seu público e uma rotina para ter mais qualidade nas informações publicadas.

Defina temas, abordagens, estilo de linguagem, formato de postagens, horários de publicações, entre outros cuidados tirando como base o seu público-alvo. Porém, fique sempre atento nas expectativas que o seu cliente tem de você, estabelecendo assim uma relação de confiança e interação.

3) Desenvolva conteúdos de qualidade

Desenvolva conteúdos realmente relevantes e de qualidade para os seus clientes. Com a agilidade e a correria do dia a dia as pessoas estão muito mais suscetíveis a distrações, por isso o conteúdo criado pela sua empresa dentro das redes sociais deve prender a atenção de forma que ele sinta que está “em casa” ao navegar pela sua página. Invista também em conteúdos criativos e que permitam a interação do leitor.

4) Escolha a hora certa para postagens

O conteúdo elaborado deve ser acrescentado em suas redes sociais na hora certa, caso contrário, ele se perde dentro de sua página. Existem horários específicos onde os índices de audiências são maiores, mas claro que ele vária em cada rede para cada perfil de público.

Para descobrir esses horários, é preciso pesquisar e analisar os melhores períodos para alcançar o seu público-alvo.

5) Acompanhe e meça os resultados

Acompanhar frequentemente os resultados da sua interação nas redes sociais, é muito importante para verificar como está sendo a aprovação de sua marca em relação ao seu público. Só através desse monitoramento, você consegue ampliar os acertos e minimizar os erros de sua estratégia, e claro aumentar os resultados obtidos pela sua empresa.

E você, tem mais dicas para aumentar o engajamento com sua audiência?

 

5 Dicas de mídias sociais para personal trainer

 

Com o crescente número de pessoas preocupadas com a saúde e buscando por uma vida mais saudável, estima-se que no Brasil existam cerca de 85 mil personal trainers ajudando milhares de pessoas a entrarem em forma e ter uma qualidade de vida melhor. Sendo assim, como se diferenciar em um mercado tão concorrido?

Para conquistar e atrair mais clientes e se consolidar no mercado é muito importante elaborar uma boa estratégia de marketing digital. Uma delas é através das mídias sociais, porém é preciso ter uma estratégia e saber quais são os melhores canais para divulgar sua marca.

Por isso, separamos algumas dicas essenciais de mídias sociais direcionadas para o personal trainer.

5 Dicas de mídias sociais para personal trainer

1) Tenha uma página no Facebook

Com mais de 90 milhões de usuários no Brasil, o Facebook pode parecer saturado, mas é uma grande oportunidade para interagir e fidelizar seus clientes e alunos. Entretanto, para que isso aconteça é muito importante ter uma página com informações relevantes e atualizadas e um conteúdo atraente. Além disso, é muito importante interagir com os usuários e responder todas as mensagens enviadas para você.

2) Crie um perfil no Instagram

Segundo especialistas o Instagram é um dos melhores canais para o mercado Fitness. Afinal, dentro dessa rede social é possível divulgar vídeos e fotos com dicas de alimentação e exercícios e disponibilizar informações relevantes sobre o tema relacionado a profissão, como saúde, bem-estar e qualidade de vida.

3) Utilize o Whatsapp

O whatsapp também é uma forma muito interessante para os personal trainers, uma vez que ele funciona como um canal de atendimento para motivar, manter um bom relacionamento e ficar mais próximo de seus clientes. Além disso, através desse meio de comunicação o aluno consegue tirar dúvidas a qualquer hora e fazer um acompanhamento a distância caso for necessário.  

4) Faça um blog

Para o personal trainer que deseja ganhar autoridade e credibilidade no mercado, o blog é uma excelente opção. Quem hoje em dia não procura por dicas de exercícios, saúde e bem-estar?

Por isso, postar conteúdos inteligentes e artigos relevantes pode ajudar o profissional a aumentar consideravelmente as chances de conquistar novos alunos e fidelizar ainda mais os antigos.

5) Crie conteúdos relevantes

Para que todas essas redes sociais se mantenham em alta dentro do mercado é muito importante criar em todas elas conteúdos extremamente relevantes. Acrescente informações atualizadas sobre dietas, exercícios, reeducação alimentar, casos de sucesso, vídeos e aulas e curiosidades sobre o mundo fitness, isso pode gerar um tipo de interação saudável e essencial para qualquer profissional.

 

O uso de mídias sociais por empresas B2B

Embora muitas pessoas acreditem que o marketing de conteúdo e as mídias sociais sejam ferramentas de comunicação que podem ser usadas apenas por empresas que se relacionam diretamente com o consumidor, as marcas B2B têm obtido cada vez mais sucesso com este tipo de estratégia de marketing.

Isso acontece porque, embora o público B2B sejam outras empresas, essas organizações inevitavelmente são compostas por pessoas, e é justamente no relacionamento com esses indivíduos que uma empresa B2B deve investir. Ao estabelecer contato e oferecer conteúdo com seu público, a marca business to business amplia sua visibilidade na internet, abre portas para novos negócios, se torna referência no setor e passa a ter uma presença digital marcante — benefícios essenciais para o sucesso dos negócios.

Como empresas B2B podem usar as mídias sociais?

Embora o Facebook seja a rede social mais popular do País, este não deve ser o principal critério para escolher onde sua empresa B2B vai atuar. Antes de começar a investir em marketing de conteúdo, é preciso conhecer seu público e entender como ele utiliza e se relaciona nas mídias sociais.

Além disso, é necessário conhecer as características de cada plataforma, de modo a garantir que você desenvolva a melhor estratégia para o seu mercado e utilize a linguagem adequada tanto ao perfil das empresas que são suas clientes quanto à mídia escolhida. Descubra, a seguir, quais são as principais mídias sociais para o mercado B2B:

LinkedIn

Criado especificamente para os negócios, o LinkedIn é uma plataforma voltado ao mercado comercial e, por conta disso, permite uma maior liberdade para que sua empresa mostre o que faz de melhor. Crie conteúdo relevante para seu público e abra discussões a respeito de temas relevantes a sua área de atuação.

Facebook

A principal característica do Facebook é a promoção de relacionamentos que, no caso das empresas B2B, podem se tornar excelentes oportunidades de negócio. Ofereça conteúdo de valor para seu público, mostrando conhecimento a respeito do mercado, valorizando sua marca e sempre priorizando o relacionamento com o cliente.

Twitter

Mais ágil, o Twitter é uma plataforma acessada principalmente por usuários mobile, que são muito conectadas e esperam respostas rápidas de seus contatos. Faça seu conteúdo levando essas características em consideração e, sempre que possível, incentive a participação de seus seguidores. Não esqueça de avaliar se o seu público, aquele que você quer atingir dentro da empresa, está no Twitter.

YouTube

Por aliar imagem e som, o YouTube permite que você apresente seus produtos de forma dinâmica e fácil de ser digerida. Embora este seja um tipo de conteúdo mais trabalhoso de ser produzido, a grande vantagem dos vídeos é que você pode aproveitá-los em todas as outras redes sociais, ampliando o alcance de suas ações e intensificando o volume do seu conteúdo.

Independente do seu negócio, pense sempre na comunicação H2H (Human to Human). Na hora de criar o conteúdo para os seus canais, lembre-se que você está conversando com pessoas e as redes sociais foram criadas para isso, para promover o relacionamento entre pessoas, sejam amigos, parentes ou marcas, por que não?

Quer saber mais sobre criar uma estratégia de Mídias Sociais para o seu negócio? Conheça nossos cursos online: www.prdigital.com.br/cursos

5 ferramentas para criar conteúdo visual

O conteúdo visual é uma das mais poderosas maneiras de envolver e atrair o público nasredes sociais e na internet como um todo. Isso porque as imagens permitem que as ideias sejam expressadas de maneira eficaz e prática, além de estimular o consumidor e chamar sua atenção de maneira mais eficiente que um texto longo e explicativo.

Uma imagem bem escolhida é capaz de transmitir uma ideia de maneira natural, podendo até dispensar a necessidade de um texto. Muitas ações de marketing optam pela utilização de uma imagem impactante e textos curtos, que podem ser compreendidos a partir de diferentes canais.

Infográficos, fotografias, ilustrações, símbolos, vídeos, memes e gifs são alguns exemplos de conteúdo visual que podem ser utilizados em diferentes canais digitais para tornar suas ações ainda mais acessíveis e eficientes. Existem diversas ferramentas e recursosque facilitam esta tarefa de gerar conteúdo gráfico atraente, confira algumas a seguir:

5 ferramentas para criar conteúdo visual

Canva

Esta é uma ferramenta de design online que disponibiliza diversos modelos gráficos que podem ser personalizados de maneira simples e prática, já nas dimensões exatas para serem inseridas nas páginas do Facebook, Twitter e apresentações em geral. O Canvapossui uma ampla biblioteca de imagens, ícones e fontes, permitindo que o usuário monte um conteúdo visual da maneira que desejar.

Iconfinder

Trata-se de uma ampla base de dados com ícones que podem ser inseridos em determinado conteúdo visual, tornando-o mais completo e personalizado.

Piktochart

Possibilita a criação de infográficos com aparência profissional: basta escolher um modelo base e modificar seu conteúdo de acordo com suas necessidades.

Recordit

Grava um vídeo rápido e o transforma em um GIF animado totalmente customizável, o que inclui a modificação do tamanho da imagem, a velocidade, qualidade do vídeo e até inserção de texto personalizado.

PicMonkey

Trata-se de uma alternativa ao Photoshop, que permite a edição de imagens e criação de designs personalizados. O PicMonkey é uma ferramenta rápida, prática e totalmente online, que não exige sequer que o usuário se registre para utilizar. Há a versão paga também.

Existem diversas outras ferramentas e apps para criação de conteúdo visual. Caso conheça alguma ferramenta ou app para indicar, comente abaixo.

O poder do marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é uma abordagem estratégica que consiste em criar e oferecer conteúdo relevante e consistente, com o objetivo de atrair e reter a atenção do público. O objetivo é cativar o consumidor por meio do conteúdo, que pode ser oferecido na forma de notícia, artigo, imagens, vídeos, testes online, ebooks e qualquer outro formato interativo.

A estratégia do marketing de conteúdo é aproximar as marcas de seus potenciais clientes, criando uma relação de confiança que estimula a realização de negócios por meio da interação. Trata-se de uma poderosa ferramenta para atrair, envolver, inspirar e influenciar os consumidores, além de garantir que eles continuem se relacionando com sua empresa.

Vantagens do marketing de conteúdo

1. Redução de custos

O investimento necessário para a produção de conteúdo é muito mais baixo que o valor cobrado pela compra de um espaço publicitário nas mídias tradicionais (televisão, rádio, jornais e revistas). Além disso, o conteúdo gerado apresenta maior durabilidade, uma vez que estará sempre disponível nos meios online.

2.Visibilidade na rede

A maioria dos consumidores pesquisa na internet antes de adquirir determinado produto ou contratar um serviço. Um marketing de conteúdo bem feito faz com que o site da sua empresa seja encontrado pelos mecanismos de busca, destacando-se na internet. Para que isso ocorra, entretanto, é preciso que sua página tenha conteúdo atualizado e de qualidade.

3. Autoridade sobre o assunto

Quando sua empresa apresenta conteúdo de qualidade sobre determinado assunto, o público passa a encará-la como uma autoridade no assunto. Isso favorece a fidelização do cliente e gera mais negócios para sua empresa.

4. Maior captação de público

Com o crescimento da internet e a quantidade de informações disponíveis, os consumidores preferem ser mais ativos e pesquisar mais informações sobre aquilo que desejam — em vez de apenas serem convencidos de que determinado produto é bom. Quando você oferece conteúdo, está oferecendo justamente o que ela busca.

5. Mensuração de resultados

Como o marketing de conteúdo é uma estratégia aplicada no meio online, é possível identificar quais os tipos de ação geraram mais resultados positivos, quais assuntos atraem mais público e em quais veículos vale mais a pena investir.

E você, já utiliza essa estratégia no seu negócio? Qual o tipo de conteúdo que você produz? Comente abaixo!

5 maneiras de humanizar seu conteúdo

A humanização é a principal tendência da comunicação entre marcas e clientes, criando um envolvimento verdadeiro e que resulta em um relacionamento sólido e duradouro com o público. Sua empresa é feita por pessoas reais, para consumidores que são pessoas reais — com sentimentos, particularidades e diferenças —, e é importante mostrar isso para seus clientes.

As mídias sociais são excelentes ferramentas para mostrar o lado humano da sua empresa, e o conteúdo compartilhado nessas plataformas deverá dar um rosto e uma voz à sua marca, conversando diretamente com o público e atraindo a atenção de clientes em potencial. Confira, a seguir, 5 maneiras eficientes de humanizar seu conteúdo e conquistar clientes:

5 maneiras de humanizar seu conteúdo

1. Tenha senso de humor

Apostar no humor é uma eficiente maneira de se conectar com o público, especialmente nas redes sociais. Por isso, vale a pena conhecer profundamente seu consumidor e ficar sempre de olho na internet para criar conteúdo divertido e aproveitar os melhores memes do momento.

2. Conte histórias

Narrativas envolventes possuem um apelo emocional capaz de despertar sentimentos e gerar aproximação com o cliente. Além disso, as histórias prendem a atenção e ficam na memória do consumidor, que se identifica com o que é mostrado e acaba se sentido próximo da marca.

3. Envolva o público

As pessoas gostam de ser ouvidas e de sentir que suas necessidades são atendidas. Por isso, é importante que seu conteúdo converse com o público, incentivando-o a interagir por meio de perguntas, sugestões e preocupações. Lembre-se de sempre responder um contato direto de seu cliente, fazendo com que a conversa flua de maneira a construir um relacionamento.

4. Deixe seu produto em segundo plano

Para humanizar sua marca, é necessário deixar as vendas em segundo plano em alguns momentos. Em vez de criar apenas conteúdo para divulgar seus produtos, preocupe-se em falar sobre os aspectos subjetivos de sua marca: o conceito, os benefícios, o valor agregado, os valores, o estilo de vida e a imagem associada à sua empresa.

5. Use linguagem fácil e do cotidiano

A maioria dos usuários vê as redes sociais como um ambiente para se distrair e se divertir. Isso significa que muitas delas não se interessam por conteúdo comercial ou linguagem organizacional: elas estão em busca de conteúdo despojado e fácil. Tente conversar com o público da mesma maneira com que você fala com seus amigos, se aproximando do público.

E você, gostou das dicas? Tenta se conectar com sua audiência por meio do conteúdo? Comente abaixo! Queremos saber.

5 vantagens de investir em Mídias Sociais

Estima-se que mais de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo utilizem redes sociais, sendo que o internauta brasileiro representa uma grande parcela desse total. De acordo com a consultoria comScore, o Brasil é o país que fica mais tempo conectado a esses sites, com média de 650 horas mensais para cada brasileiro — um número que está 60% acima do restante do planeta.

Diante desses números expressivos, marcar presença nas redes sociais se mostra uma eficiente maneira de trabalhar sua presença online, divulgar sua marca e ainda estabelecer uma relação mais próxima com o consumidor. Além disso, investir nas mídias sociaispode trazer diversas vantagens para as empresas. Saiba quais são a seguir:

5 vantagens de investir em mídias sociais

1. Custo reduzido

Uma das maiores vantagens das mídias sociais é que elas são de uso totalmente gratuito. Em geral, empresas que investem em marketing digital precisam investir em profissionais qualificados para a elaboração e monitoramento do conteúdo, o que demanda um investimento muito menor do que a divulgação em mídias tradicionais como televisão, rádio e revistas.

2. Praticidade na relação com o consumidor

A internet é um grande facilitador na relação entre marca e consumidor. Ao investir em mídias sociais, a empresa está abrindo um poderoso canal de relacionamento com o cliente, permitindo que a marca receba feedbacks em tempo real, além de poder conversar com seus fãs, trocar ideias e estabelecer uma relação próxima do consumidor.

3. Resultados mensuráveis

As mídias sociais permitem o acompanhamento dos resultados e das ações de marketing, identificando quantas pessoas visualizaram determinado conteúdo, quantas gostaram, quantas comentaram e quantos novos seguidores sua empresa conquistou. A partir daí, é possível identificar o tipo de ação que funciona melhor com seu público-alvo, aprimorando cada vez mais o relacionamento com o cliente.

4. Efeito viral e aumento do tráfego para sua página

As mídias sociais possibilitam a geração de conteúdo viral, ou seja, que é compartilhado muitas vezes até atingir um número expressivo de pessoas — inclusive aquelas que nunca ouviram falar da sua empresa. Esse é um eficiente método de divulgar sua marca e trazer mais pessoas para sua página.

5. Possibilidade de analisar a concorrência

É muito provável que seus concorrentes também estejam presentes nas mídias sociais. Em vez de ficar apenas disputando a atenção do público, aproveite para entender como as outras marcas se posicionam nas redes sociais e que tipo de conteúdo elas compartilham. Com essas informações, trabalhe de modo a sair na frente da concorrência e elaborar novas estratégias de conteúdo.

E aí, o que acha das vantagens de atuar nas mídias sociais? Seu negócio já criou uma presença online? Se não, conte suas dificuldades abaixo. Queremos ajudar você! 

3 gatilhos mentais para usar no seu conteúdo online

Os gatilhos mentais podem ser definidos como uma técnica de persuasão que estão relacionadas com as emoções e percepções sociais existentes em todos as pessoas. Dentro das empresas, agências e estabelecimentos em geral, esses gatilhos são uma ótima ferramenta para despertar a atenção e influenciar o seu público.

Uma ótima forma de empregá-los é através de conteúdo online, pois eles conseguem trazer sentimentos referentes a algum elemento do texto escrito que submeta o leitor a uma determinada sensação ou experiência já vivida. Desta forma, o uso de imagens, referências pode ter um resultado assertivo dentro de um conteúdo, criando uma ligação desse gatilho com a experiência do leitor.

Para ajudá-los a usar os gatilhos mentais em seu conteúdo, separamos 3 dos principais. Confira abaixo:

3 gatilhos mentais importante para o seu conteúdo online

1) Reciprocidade

Esse gatilho está muito presente em nossas vidas e é um dos mais importantes, afinal é dando que se recebe. O princípio pode ser usado como uma ótima estratégia no conteúdo online, uma vez que nele será disponibilizado para o seu público, informações extremamente relevantes para eles sem nenhum valor. Desta forma, o plano funcionará como um presente que, mais tarde, induzirá os seus clientes a comprar de seus produto e serviços como uma forma de devolver o favor.

Uma das palavras bastante usadas nesse gatilho é “grátis”. Entretanto, para que ela funcione corretamente, é muito importante valorizar o seu conteúdo, porque o que não tem preço pode ser entendido como não tendo valor, perdendo assim o sentido do gatilho.

2) Autoridade

Para utilizar esse gatilho é essencial ter a confiança e credibilidade do seu público. Para isso, é preciso ter seu conteúdo posicionado e como uns dos principais dentro do mercado. É muito importante que as pessoas sintam o quão valioso e relevante são as informações passadas e, para isso acontecer, você deverá saber realmente do que está falando e ser autoridade no assunto a fim do seu leitor conseguir tirar o melhor proveito dele.

O gatilho age como a transferência de autoridade de outras pessoas, empresas, instituições entre outros. Sendo assim, citar nome importantes em seu conteúdo online transfere autoridade para você.

3) Novidade

Quem não gosta de uma novidade? Uma pesquisa realizada pelos alunos de Neurologia da Universidade UCL, localizada no Reino Unido, demonstrou que a exposição a algo novo aumenta a liberação de dopamina no cérebro (sensação de recompensa). Ou seja, criar um conteúdo exclusivo e muito mais completo sobre determinado assunto pode ser extremamente importante para manter o seu público sempre interessado.  

E você, utiliza gatilhos mentais no seu conteúdo online? Comente abaixo e conte para nós!