Como utilizar o Linkedin para captar clientes

Com mais de 25 milhões de usuários, o Linkedin registrou o ano passado um aumento de 25% em sua base aqui no Brasil. Direcionada para os profissionais fazerem networking, prospectar clientes, gerar leads e fazer contatos que podem ser importantes para sua carreira ou empresa, essa rede social se tornou a maior ferramenta de negócios de todo o mundo.

O Linkedin possui uma enorme base de dados, integração com ferramentas de Inteligência Comercial e várias maneiras para que as empresas consigam captar novos clientes. O Salesloft é uma delas, através desse dispositivo é possível puxar e-mails corporativos relacionados a uma conta da rede social e prospectar mais de 500 leads por dia.

Para ajudá-lo nessa captação de clientes, separamos algumas dicas essenciais para fazer essa prospecção.

4 Dicas para captar clientes através do Linkedin

1) Seja presente

Ter uma participação ativa dentro do Linkedin, pode ajudar em sua visibilidade, tornando você referência no setor. Sempre responda as questões abordadas relacionadas a seu ramo de atuação ou atividade.

Promova debates, compartilhe experiência e dê feedbacks mostrando a sua opinião sobre um determinado tema. Nunca esqueça, que essa ferramenta é uma rede direcionada exclusivamente para profissionais e quanto mais pessoas estiverem de olho em você, melhor para encontrar novos clientes.

2) Use o seu perfil para divulgação

Uma das grandes vantagens dessa rede é que você pode divulgar os seus produtos, serviços, trabalhos e projetos sem nenhum custo, além de conseguir gerar novas ideias e estratégias para conquistar e captar novos clientes para o seu negócio.

O ideal é aproveitar ao máximo dessa ferramenta e do seu funcionamento, adicionando fotos e incluindo informações com as descrições das atividades realizadas pela empresa e os produtos oferecidos.

3) Participe de grupos

Uma das melhores maneiras de captar novos clientes é entrar em grupos relacionados ao seu ramo de negócios. Porém, é muito importante que você participe de todos os debates e discussões postadas na página.

Escreva artigos, faça enquetes, obtenha feedbacks, para despertar o interesse das pessoas pelos seus serviços e produtos. O principal objetivo de participar desses grupos, é demostrar seus conhecimentos pelos assuntos abordados de forma que você vire referência sobre o tema.

4) Conquiste clientes via mensagem

Dentro do seu Linkedin assim como outras redes sociais, é possível entrar em contato com as pessoas através de mensagens. Você ainda pode utilizar a ferramenta de busca para encontrar os clientes perfeitos e ideais para sua empresa.

Após encontrar esses prováveis clientes, você pode enviar informações sobre o seu produto e o seu negócio via e-mail, tornando mais fácil o contato com eles.

Gostou das nossas dicas? Já usou o LinkedIn para captar clientes? Compartilhe conosco sua experiência nos comentários! 

 

Como começar a anunciar nas redes sociais?

como_comecar_anunciar_redes_sociais

Você quer anunciar nas redes sociais e não sabe por onde começar? Nesse post eu vou te ajudar a entender um pouco de como funcionam os anúncios em cada uma delas. As principais redes hoje sabem do poder que têm nas mãos e tentam unir o útil ao agradável: rentabilizar em cima de sua base e gerar retorno às empresas que querem extrair mais do canal.

Facebook

Hoje é considerada a maior rede social do mundo. Os números ultrapassam os 1,23 bilhões de usuários no mundo com 61,2 milhões no Brasil. Você pode fazer direto pelo Gerenciador de Anúncios. Com valor acima de R$30 é possível ter a ajuda de um consultor do Facebook.

LinkedIn

A rede social é excelente por conhecer muito bem o perfil profissional de cada usuário. Basicamente o LinkedIn tem acesso a informações como cargo, empresa (tamanho, segmento, etc), experiência na função, escolaridade, etc. Dessa forma, é possível segmentar bem e encontrar perfis muito qualificados que dificilmente seriam encontrados com essa precisão em outros canais. Por isso é ótimo para atrair visitantes qualificados e gerar Leads.

Para anunciar você precisa de uma Company Page. O processo de gerar anúncios é no modelo self-service onde você mesmo pode criar. Ao gerar seu anúncio faça testes: crie com imagens e textos diferentes e veja qual funciona melhor.

Instagram

A rede social hoje possui mais de 300 milhões de usuários. O Brasil está entre os 5 países que mais usam o Instagram. Nele, todos os conteúdos pagos serão marcados com o rótulo “Patrocinado” acima da imagem. Os anúncios estão em fase experimental. Algumas agências já estão em fase de testes. Antes de inserir anúncios para todos os públicos, o Instagram está estudando os tipos de formatos a fim de garantir a melhor experiência para parceiros e usuários.

Twitter

Hoje a rede social possui 200 milhões de usuários onde a média de tweets por dia é de 400 milhões. Uma rede com muitos influenciadores e onde 60% dos usuários acessam via celulares.

No momento, os anúncios do Twitter no Brasil estão disponíveis somente via contato direto e contas maiores.

Youtube

A maior rede de vídeos do mundo é considerada também a segunda opção como mecanismo de buscas de informações, ficando atrás apenas do Google. Hoje o Youtube já ultrapassou a marca de 1 bilhão de usuários com mais de 48h de conteúdos novos por minuto. Anúncios em vídeo do YouTube são vinculados ao Google AdWords. Depois de criar uma conta, onde você vai gerenciar seus anúncios e ver resultados.

Lembre-se sempre, o mais importante é você definir a rede social de acordo com o seu orçamento para o canal que tem mais afinidade,  e atingir seus objetivos no marketing digital!

Ficou com alguma dúvida? Então deixe seu comentário!

5 maneiras de Melhorar a Presença da sua Marca no LinkedIn

linkedin Ultrapassando o Twitter no ranking das redes sociais mais acessadas pelos brasileiros depois do Facebook, o LinkedIn é a segunda rede social mais com mais visitantes no Brasil. Plataforma focada em relacionamento profissional, o LinkedIn tem a maioria dos usuários com mais 32 anos e somente 13% dos usuários acessam a rede social diariamente. As pessoas usam a plataforma ocasionalmente para contatos com parceiros comerciais, buscar emprego e networking. Se você está pensando em uma atuação nessa rede social, ela é perfeita para relacionamento profissional, tanto para empregadores como para candidatos. É ótima para networking e a ferramenta para compartilhar conteúdo vem melhorando a cada dia.

Para ajudar você a construir uma presença no LinkedIn, separei 5 maneiras de melhorar a presença da sua marca na rede social:

1 – TENHA UM PERFIL PESSOAL E UMA PÁGINA PARA SUA EMPRESA

Todos os profissionais devem ter um perfil no LinkedIn e as empresas B2B também. Também indico que pequenas empresas tenham um perfil na rede social para postar vagas de empresa, notícias sobre o setor e buscar parceiros e prospects.

2 – MANTENHA UMA FREQUÊNCIA NAS ATUALIZAÇÕES

Não é necessária uma atualização intensa na rede, então tente manter uma frequência de atualização semanal ou quinzenal. Você deve postar notícias relevantes da sua área de atuação ou os posts do seu blog (sim, você deve ter um blog!). E tente participar de grupos de discussão que sejam relevantes para o seu negócio ou monte o seu próprio grupo. Nós criamos o nosso próprio grupo no LinkedIn para tratar de mídias sociais e ele é mais canal de comunicação da empresa.

3 – ENVOLVA SEUS COLABORADORES

Envolva seus colaboradores na rede. Incentive sua equipe a ter um perfil na rede atualizado e compartilhar as novidades da empresa.

4 – APROVEITE O CONTEÚDO DE OUTRAS REDES SOCIAIS

Como já disse acima, você pode postar os artigos publicados no blog da marca ou clippings. Você pode aproveitar o conteúdo das outras redes sociais para atualizar o perfil da sua empresa, dessa forma você não irá precisar investir tanto tempo em criar conteúdos novos.

5 – POSTE CONTEÚDO DE VALOR

Escolha conteúdo que agregue valor aos seus seguidores. Não fale somente sobre sua empresa, inclua artigos ou dicas interessantes para seus consumidores.

Bom, agora eu gostaria de saber se já usa alguma dessas estratégias. Você usa o LinkedIn para sua empresa? Tem alguma dificuldade com essa rede social? Eu vou adorar saber sua opinião sobre esse tema! Comente abaixo o que achou do artigo.