O uso de mídias sociais por empresas B2B

Embora muitas pessoas acreditem que o marketing de conteúdo e as mídias sociais sejam ferramentas de comunicação que podem ser usadas apenas por empresas que se relacionam diretamente com o consumidor, as marcas B2B têm obtido cada vez mais sucesso com este tipo de estratégia de marketing.

Isso acontece porque, embora o público B2B sejam outras empresas, essas organizações inevitavelmente são compostas por pessoas, e é justamente no relacionamento com esses indivíduos que uma empresa B2B deve investir. Ao estabelecer contato e oferecer conteúdo com seu público, a marca business to business amplia sua visibilidade na internet, abre portas para novos negócios, se torna referência no setor e passa a ter uma presença digital marcante — benefícios essenciais para o sucesso dos negócios.

Como empresas B2B podem usar as mídias sociais?

Embora o Facebook seja a rede social mais popular do País, este não deve ser o principal critério para escolher onde sua empresa B2B vai atuar. Antes de começar a investir em marketing de conteúdo, é preciso conhecer seu público e entender como ele utiliza e se relaciona nas mídias sociais.

Além disso, é necessário conhecer as características de cada plataforma, de modo a garantir que você desenvolva a melhor estratégia para o seu mercado e utilize a linguagem adequada tanto ao perfil das empresas que são suas clientes quanto à mídia escolhida. Descubra, a seguir, quais são as principais mídias sociais para o mercado B2B:

LinkedIn

Criado especificamente para os negócios, o LinkedIn é uma plataforma voltado ao mercado comercial e, por conta disso, permite uma maior liberdade para que sua empresa mostre o que faz de melhor. Crie conteúdo relevante para seu público e abra discussões a respeito de temas relevantes a sua área de atuação.

Facebook

A principal característica do Facebook é a promoção de relacionamentos que, no caso das empresas B2B, podem se tornar excelentes oportunidades de negócio. Ofereça conteúdo de valor para seu público, mostrando conhecimento a respeito do mercado, valorizando sua marca e sempre priorizando o relacionamento com o cliente.

Twitter

Mais ágil, o Twitter é uma plataforma acessada principalmente por usuários mobile, que são muito conectadas e esperam respostas rápidas de seus contatos. Faça seu conteúdo levando essas características em consideração e, sempre que possível, incentive a participação de seus seguidores. Não esqueça de avaliar se o seu público, aquele que você quer atingir dentro da empresa, está no Twitter.

YouTube

Por aliar imagem e som, o YouTube permite que você apresente seus produtos de forma dinâmica e fácil de ser digerida. Embora este seja um tipo de conteúdo mais trabalhoso de ser produzido, a grande vantagem dos vídeos é que você pode aproveitá-los em todas as outras redes sociais, ampliando o alcance de suas ações e intensificando o volume do seu conteúdo.

Independente do seu negócio, pense sempre na comunicação H2H (Human to Human). Na hora de criar o conteúdo para os seus canais, lembre-se que você está conversando com pessoas e as redes sociais foram criadas para isso, para promover o relacionamento entre pessoas, sejam amigos, parentes ou marcas, por que não?

Quer saber mais sobre criar uma estratégia de Mídias Sociais para o seu negócio? Conheça nossos cursos online: www.prdigital.com.br/cursos

Facebook para empresas B2B

facebook.jpg

Facebook para empresas B2B Com mais de 46 milhões de usuários ativos apenas no Brasil, o Facebook tem se mostrado uma ferramenta importante no marketing online das empresas. Mas se engana quem pensa que a rede social é útil apenas para as companhias que vendem seus produtos diretamente ao consumidor final. Empresas com foco no B2B também podem tirar proveito das mídias sociais para potencializar seus negócios.Multinacionais de diversos ramos têm utilizado com sucesso suas páginas no Facebook para promover a interação entre os consumidores de seus produtos. Mais do que publicar informações sobre novos serviços e linhas disponíveis, essas empresas têm utilizado a rede social para identificar problemas, possibilidades de inovação e oportunidades de negócios. As páginas também servem como um espaço para estimular a troca de experiências positivas a respeito dos seus produtos, que são compartilhadas com todos que “curtem” a sua marca. Para isso, é fundamental manter um mural sempre atualizado, com assuntos relacionados à sua companhia e ao seu ramo de atuação, e monitorar as atividades dos seus usuários e as conversas entre eles.

O Facebook é, ainda, um excelente canal de relacionamento pós-venda, fidelizando clientes e engajando-os. Por meio dos comentários postados e de mensagens privadas, é possível dar suporte técnico, receber feedbacks e prestar um atendimento completo àqueles que utilizam seus produtos em suas empresas.

Aproveite as ações de marketing realizadas em outros canais para promover sua página no Facebook e vice-versa. Parte do material produzido em campanhas publicitárias pode ser reutilizada em uma estratégia transmídia, indo além da simples replicação do conteúdo e usando as redes sociais como um complemento para propagandas inicialmente destinadas a veículos de imprensa, sejam impressos ou multimídias.

Fotos e vídeos são poderosos quando falamos de redes sociais, pois conseguem capturar mais atenção na linha do tempo dos seus seguidores e podem ser compartilhados por eles, atraindo mais pessoas para a sua página. Divulgue imagens da sua empresa, da sua equipe, das linhas de produção, tutoriais de como utilizar seus produtos, ações culturais e equipes esportivas patrocinadas pela sua companhia... As possibilidades são variadas.

Caso tenha dúvidas, entre em contato conosco, podemos avaliar e traçar um plano estratégico para que a página da sua empresa no Facebook cumpra os objetivos desejados e ajude a aprimorar seus negócios com outras companhias.

Conhece algum case legal de B2B no Facebook? Compartilhe com a gente!